Picos(PI), 19 de Fevereiro de 2018

Esporte
Esporte
Classificação antecipada à Rússia e bom futebol marcam ano da Seleção
Postado em 27/12/2017 por Erivan Costa
O ano da Seleção Brasileira foi de afirmação. Depois de terminar 2016 em alta, com bom futebol e a esperança de dias melhores, 2017 chegou para reaproximar o torcedor da Canarinho.
Tamanho da fonte A A

Foto:

Logo em janeiro, um amistoso contra a Colômbia marcou um momento de grande solidariedade e respeito as vítimas do desastre aéreo da Chapecoense. Era o primeiro passo de uma bonita reconciliação.

A expectativa pela primeira derrota do técnico Tite para saber como a Seleção encararia o revés também era grande. Mas foi justamente quando todos acharam que o resultado negativo tinha grandes chances de acontecer, que o Brasil teve uma de suas melhores atuações sob o comando do treinador.

Uma goleada em pleno estádio centenário em cima do Uruguai, em Montevidéu, confirmou a força de um time que tinha a cara da vitória. Nos 4 a 1, Paulinho se destacou mostrando a sua faceta goleadora ao marcar seu primeiro hat-trick da carreira.

Na rodada seguinte, diante do Paraguai, a Seleção ainda confirmou a vaga na Copa do Mundo da Rússia de forma antecipada. Por sinal, o Brasil foi a primeira equipe a garantir vaga no Mundial de 2018.

A esperada primeira derrota veio contra a Argentina, na rodada dupla de amistosos Brasil Global Tour. A equipe comandada por Tite sofreu o revés por 1 a 0 para os hermanos em solo australiano. Vale ressaltar que, o treinador brasileiro usou os jogos tanto contra os argentinos contra os australianos para testar alguns jogadores e não estava com seu elenco completo.

A estadia na Austrália foi de bom proveito para o treinador que deu oportunidade para vários atletas que não tinham chances de ir a campo, entre eles Alex Sandro, que acabou impressionando Tite e voltando para o grupo em outras convocações.

Apesar da classificação, o Brasil não amoleceu nas Eliminatórias e seguiu com a boa campanha. Terminou em primeiro lugar com 41 pontos, dez a mais que o Uruguai, segundo colocado.  De quebra ainda eliminou o Chile ao derrota-los por 3 a 0 na última rodada.

2017 confirmou o Brasil como um dos favoritos a Copa do Mundo e afastou de vez o fantasma do 7 a 1, além disso, também marcou o encontro da Seleção de Tite com escolas de outros continentes. Além da Austrália, a Seleção também enfrentou Japão e Inglaterra, como bateria de testes para o Mundial.

 

Fonte: GOAL

 

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652