Picos(PI), 16 de Novembro de 2018

Política
REPROVADAS!
Câmara de Geminiano reprova contas dos ex-prefeitos Tony Borges e Jader Borges
Postado em 22/08/2018 por Redação
Os nove vereadores participaram das votações.
Tamanho da fonte A A
Maioria votou pela reprovação de contas de ex-gestores
Foto: Edson Costa

A Câmara Municipal de Geminiano promoveu na manhã desta quarta-feira, 22, uma Sessão Ordinária em que votou as conta dos ex-prefeitos Antônio Borges Neto (Tony Borges) e Jânio Jader de Sousa Borges. A sessão foi presidida pelo vereador Chico Antão, presidente do Legislativo Municipal, e contou com a presença do atual prefeito Erculano Carvalho, do vice-prefeito Luís Gonzaga, além de lideranças políticas.

CONFIRA MAIS IMAGENS!

Em três votações seguidas, os vereadores votaram as contas de governo do ex-prefeito Tony Borges, referentes as anos de 2011 e 2012, e também as contas de governo referente ao ano de 2013, de responsabilidade do ex-prefeito Jader Borges.

Nas três votações, os vereadores Chico Antão, Elizim, Nego Edson, Netinho, Nenem de Azul e Milton Vieira acompanharam o parecer do relator Francisco Milton Vieira de Araújo do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) que reprovou as contas de 2011 e aprovou com ressalvas as contas de 2012, além de reprovar as contas de 2013.

No relatório enviado para apreciação dos vereadores de Geminiano consta que a responsabilidade pelas contas do município é inteiramente dos dois ex-prefeitos. No documento também pode ser lido que ambos foram notificados e convocados a apresentarem explicações quanto às contas junto a Câmara Municipal de Geminiano, mas não se manifestaram.

Em entrevista, o atual prefeito Erculano Carvalho disse não ficar feliz com o resultado de reprovação de contas de gestores, mas que os culpados precisam ser responsabilizados. “Hoje a Câmara está fazendo apenas aquilo que o tribunal determinou que fizesse”, comentou se referindo a votação.

Erculano, prefeito de Geminiano

O prefeito comentou ainda que já esperava que a Câmara Municipal votasse logo os pareceres encaminhados pelo TCE, e destacou que “não é motivo de vitória, mas é o preço que um gestor que fez a coisa errada tem que pagar”.

O presidente do legislativo de Geminiano, vereador Chico Antão, informou que todos os demais vereadores foram notificados sobre o parecer ainda no início do mês. Os ex-gestores tinham dez dias para se manifestar, mas não o fizeram, então os parlamentares procederam com a votação. O presidente disse ainda que houve uma reunião anterior entre os parlamentares, no entanto, os representantes da oposição não compareceram.

Vereador Chico Antão, presidente da Câmara

“Eles (a oposição) não podiam mais pedir visto, pois tiveram tempo para apresentar alguma defesa, e nenhuma foi apresentada”, declarou Chico Antão.

Não primeira e na segunda votação os vereadores Novinho, Vanuza Moura e Genilda Caminha votaram contra o parecer do TCE. Já na última votação referente às contas do exercício 2013, o vereador Novinho se absteve de votar, enquanto Vanusa e Genilda mantiveram o mesmo voto das duas primeiras votações.

Câmara de Vereadores ficou lotada durante votações

 

 

Comentários

Nenhum comentario realizado para esta materia
 
  • Diretor Proprietário
    Edson de Sousa Costa
  • Repórteres
    Edson Costa
    Jailson Dias
    Marta Soares
  • Revisão
    Equipe
  • Departamento Comercial
    Edson Costa
  • Folhaatual.com.br - Rua Coelho Rodrigues, 403 - 2º Andar - Centro - Picos - Piauí - Fone: (89) 3422-6652